AMERICAN ASSOCIATION FOR CANCER RESEARCH - ANNUAL MEETING







Nos dias 31 de março a 04 de abril aconteceu o Annual Meeting do AACR. A American Association for Cancer Research é uma das maiores associações de pesquisa do câncer existentes. Essa reunião acontece anualmente, e reúne pesquisadores do mundo todo com a mesma finalidade: a pesquisa, o estudo e a cura do câncer.

Como sempre, esta Reunião Anual AACR  destacou os melhores e mais recentes resultados  em todas as principais áreas de pesquisa do câncer. Investigadores em uma ampla variedade de disciplinas participaram e se beneficiaram ao ouvir sobre os avanços na área. Os investigadores do câncer continuam a fazer progressos e avanços incríveis, com um impacto fundamental na saúde global.

O tema da Reunião Anual AACR 2012 foi "Acelerar a Ciência: Conceito à Clínica" e refletiu esse progresso incrível, além de destacar a sinergia entre a pesquisa básica, clínica e translacional que continua a buscar  terapias contra o câncer e estratégias eficazes de prevenção.

O programa contou com sessões diárias de plenários, simpósios principal, mini- simpósios, fóruns, sessões educativas, oficinas de métodos, sessões de posters, sessões sobre"Conceitos atuais e controvérsias no órgão local da pesquisa", e uma série nova e estimulante de sessões focadas em "Conceitos atuais e controvérsias no diagnóstico, terapêutica e prevenção.
A nutrição esteve fortemente presente nas palestras e simpósios, já que é fundamental desde a etapa da prevenção da doença, como nas fases mais avançadas da mesma.

O congresso trouxe várias novidades, tanto na área da nutrição, como em todas as outras especialidades envolvendo o câncer. É um evento muito grande, com diversos expositores e com muita coisa nova. 

Com o ritmo acelerado de descobertas nas ciências básicas, translacionais e clínicas, devido, em grande parte, ao advento de novas tecnologias, os pesquisadores de câncer estão fazendo um rápido progresso, e que só esta e continuará trazendo benefícios aos pacientes que lutam contra a doença. 

Fui convidada para apresentar minha tese de mestrado, que faço pelo Departamento de Patologia, na Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP), e meu estudo é sobre a ação do pequi (Caryocar Brasiliense Camb) em um modelo experimental de câncer de pulmão.

O pequi é uma fruta  do cerrado brasileiro que tem altos níveis de antioxidantes, como vitamina C, carotenoides e compostos fenólicos, como flavonóides, saponinas e taninos, além de óleos essenciais.

Confira as fotos do congresso:

       
  

 
        

 

            





Para mais informações sobre o AACR, dê uma olhadinha no site: 
http://www.aacr.org/home/scientists/meetings--workshops/aacr-annual-meeting-2012.aspx