MACARRÃO MILAGROSO???




Olá pessoal!!!!

A revista PENSE LEVE me procurou pra falar sobre o "famoso" macarrão milagroso, o Konjac, conhecido por ser utilizado no processo de emagrecimento de diversos famosos, e por ser uma versão magra do macarrão tradicional! 
Segue abaixo a entrevista completa, que esta na edição da revista Pense Leve desse mês de março!!!





Beijos!

Natália Colombo


REVISTA PENSE LEVE: Qual a base nutritiva do macarrão Konjac?  

- A base do macarrão Konjac é praticamente toda de água (cerca de 97%) e um tipo de fibra solúvel (cerca de 3%) chamada de glucomanan, além disso, ele conta com uma pequena quantidade proteína e alguns minerais, como o cálcio. O diferencial desse macarrão é seu valor calórico, cerca 10 calorias a porção de 200gr. (o macarrão tradicional tem cerca de 700cal por 200gr)

 
REVISTA PENSE LEVE: Do que ele é feito?  

- O macarrão Konjac (também conhecido como Ito konnyaku ou shirataki) é feito a partir de um tubérculo, uma espécie de batata, que é proveniente da planta Konjac.  É devido a sua composição de água e glucomanam, que o macarrão tem seu aspecto viscoso.


REVISTA PENSE LEVE: Como deve ser feita a ingestão desse alimento?

- O macarrão Konjac pode ser utilizado em substituição ao macarrão convencional, acompanhado de alguma proteína, ou com molhos e legumes. Porém é preciso ficar atento, já que ele conta com poucos nutrientes, e portanto, não supre a necessidade de diversos nutrientes.

 
REVISTA PENSE LEVE: O macarrão Konjac pode substituir refeições? Quantas? 

- Ele pode substituir refeições, mas é importante lembrar que o nosso corpo precisa de diversos nutrientes para funcionar bem, tanto de macronutrientes (carboidrato, proteína, lipídeos) como de micronutrientes (vitaminas e minerais), e o macarrão konjac oferece pouquíssima quantidade desses nutrientes (já que sua maior parte é água e fibra). Portanto, o ideal seria a substituição de apenas uma refeição no dia e somado a outros alimentos como salada e legumes e algum tipo de carne magra (frango ou bife grelhado).

 
REVISTA PENSE LEVE: Como ele ajuda no emagrecimento?

- Ele auxilia no emagrecimento porque além de ter um baixo valor calórico, ele é rico em glucomanam, que é uma fibra que não é digerida e que aumenta a sensação de saciedade, então a pessoa come menos. Além disso, as fibras solúveis diminuem a absorção de gordura da alimentação, e também regulam os níveis de açúcar no sangue.
 

REVISTA PENSE LEVE: O macarrão possui alguma propriedade tóxica?  

- Não. O macarrão é feito a partir da batata, derivada da planta konjac. A batata não possui nenhuma propriedade tóxica.
 

REVISTA PENSE LEVE: Como deve ser preparado? 

O macarrão vem embalado com um líquido, que auxilia na sua conservação. No preparo é importante enxaguar bem o macarrão, para tirar o líquido e em seguida escaldá-lo rapidamente em água fervente. Por ele não ter muito sabor, uma dica é pingar algumas gotas de limão na água, ou 1 colher de sopa de molho de soja.  Como sugestão, ele pode ser consumido com legumes, e tofú (ou queijo branco) em cubos, e um fio de azeite de oliva extra-virgem.


REVISTA PENSE LEVE: Existe alguma contraindicação?

 Devido ao fato do macarrão ser viscoso, pessoas com dificuldade de deglutição podem ter problema para engolir, como idosos, crianças, ou com algum problema no esôfago.


REVISTA PENSE LEVE: Por quanto tempo pode ser feita a dieta a base desse macarrão? 

Não existe tempo ideal. Levando-se em consideração que o consumo deste macarrão esteja sendo feito pra controle do peso, ele pode ser utilizado até que a pessoa consiga atingir seu objetivo. Mas atenção: isso quando a pessoa estiver fazendo o uso adequado do macarrão, ou seja, consumindo-o em apenas 1 refeição (com outros ingredientes saudáveis: legumes, proteínas) , e tendo uma alimentação adequada que supra as suas necessidades diárias de nutrientes, já que como já vimos anteriormente, o konjac não é muito eficaz nesse sentido.


REVISTA PENSE LEVE: O que é glucomanan?  

Glucomanam é uma fibra solúvel que quando entra em contato com água é hidratada e forma uma massa viscosa, como se fosse um gel e ganha mais volume. No estômago, ela ocupa mais espaço, e a pessoa se sente mais saciada com menores quantidades de alimento.


REVISTA PENSE LEVE: Como essa substância age no organismo? 

 Além de ocupar mais espaço e deixar a pessoa mais saciada, ela é capaz de diminuir a absorção de gordura da dieta, diminuir os picos de insulina (porque faz com que a glicose seja absorvida mais lentamente), e pode estimular o funcionamento do intestino.
 

REVISTA PENSE LEVE: Em quais outros alimentos é possível encontrar o glucomanan?

A principal fonte de glucomanan é a batata konjac. O glucomanan já era usado na fórmula de cápsulas, por nutricionistas, com a finalidade de promover saciedade há algum tempo. Esse mesmo glucomanan, encontrado em farmácias e que é tomado em cápsulas, também é derivado da planta Konjac.
 

REVISTA PENSE LEVE: Quantas calorias (em média) é possível perder usando o macarrão Konjac? 

Considerando um indivíduo que tem uma ingestão calórica diária de 1800 Cal, onde seu jantar tenha uma média de 400 calorias, se ele substituir seu jantar pelo macarrão konjac, ele conseguirá diminuir 390 calorias, portanto sua ingestão diária cairá para 1390 Calorias. Levando-se em consideração que uma única refeição (almoço ou jantar) tenham uma média de 400 calorias, com o consumo do macarrão, a pessoa conseguirá “economizar”390 calorias.
 

REVISTA PENSE LEVE: Quais os riscos dessa dieta? 

Por diminuir a absorção da gordura da dieta, ela pode diminuir também a absorção das vitaminas lipossolúveis (que são aquelas que só são absorvidas em meio lipídico) com as vitaminas E, A, D. Além disso, se a pessoa não tiver uma alimentação equilibrada, e mudar sua alimentação, tendo como base apenas o macarrão konjac, ela pode começar a apresentar sinais de deficiências nutricionais. Além disso, por se tratar de uma fibra solúvel, o consumo inadequado pode tanto causar diarréia, como constipação intestinal.

 
REVISTA PENSE LEVE: Onde pode ser encontrado?

 Pode ser encontrado facilmente em lojas especializadas de produtos japoneses, por exemplo no bairro da Liberdade, em São Paulo. E devido a sua grande procura, já é bem fácil de se encontrar em muitas lojas de produtos naturais.
 

REVISTA PENSE LEVE: Espaço para considerações julgar necessárias.

Pelo fato do macarrão ter um baixo índice glicêmico, ou seja, não causa picos de insulina, ele é uma boa opção para indivíduos que tenham algum grau de resistência a insulina ou diabetes tipo I e II. Além disso, toda vez que existe uma quantidade maior de açúcar no sangue e um pico de insulina, o corpo recebe um estímulo pra estocar gordura, então pelo fato dele ter um menor IG, a pessoa também acaba emagrecendo por diminuir o IG da dieta.Mas exatamente por esse motivo, as pessoas devem ficar atentas, pois quando você diminui bruscamente o consumo de carboidrato, ou substitui pelo macarrão konjac (que é fibra e água), você deixa de ter o carboidrato(que tinha antes) nessa refeição, e a pessoa pode ter alguns sintomas de hipoglicemia, como fraqueza e dores de cabeça. Para pessoas com os níveis de colesterol e triglicérides alterados, incluir o macarrão também é uma boa opção, já que as fibras solúveis ajudam a regular os níveis de gordura no sangue, e também a diminuir a absorção de gordura dos alimentos.